segunda-feira, 18 de abril de 2016

Asking Alexandria

Olá Rockers,
Hoje o assunto é Asking Alexandria.
Essa é uma banda que eu gosto muito.
Eles “recentemente” sofreram uma mudança nos integrantes. O vocalista Danny Worsnop saiu e o cantor Dennis Stoff (ex Down & Dirty) entrou em seu lugar.
Tenho que dizer, não conhecia a banda antes de Dennis, escutei o ultimo álbum, The Black e me apaixonei pelo som deles.

   Acho que não estou exatamente em posição de dizer se a saída de Danny foi boa ou ruim, mas pelas entrevistas que vi de Ben Bruce, parece ter sido a melhor opção.
Pelo que Ben disse, Danny já não estava se empenhando, a banda já não era para ele o que era para os outros.
   Acho que a escolha por Dennis foi muito bem feita, pois seu alcance vocal é enorme, ele faz diferentes tipos de gutural e sua clean voice é incrível. Já conseguimos perceber que ele é um ótimo compositor e uma pessoa maravilhosa. Pelo que vi até agora ele é uma pessoa muito legal e seu relacionamento com a banda está muito bom.
   Ele é muito bom no palco e todos nos divertimos vendo as entrevista que ele e Ben deram nos últimos meses.
   E por último mas não menos importante, ele é lindo.
   Mas hoje vim falar do CD que eles lançaram a algumas semanas atrás, espero não estar muito atrasada para falar a minha opinião.
   
   A primeira música que escutei foi “The Black”, e achei simplesmente incrível. O gutural de Dennis é incrível e sua clean voice é muito bonita ali. Acho legal Ben cantar na música também e a parte instrumental é incrível.
   Escutei a versão acústica também e está maravilhosa.
   Depois ouvi “I Won’t Give In” que também me deixou louca pela banda.
   De todas as músicas acho que a minha favorita é “We’ll Be Ok”, ela tem tanto a parte mais “calma” quanto os altos gritos que Dennis faz tão bem.
   “Sometimes It Ends” foi outra que eu achei genial, principalmente seu começo com uma parte de uma entrevista feita à Ben sobre a saída de Danny e o processo de composição do novo álbum. Achei muito boa a ideia deles de colocar diretamente no CD como eles se sentiam sobre a situação e o que aquele álbum significava para eles. 
   A música “Gone” não é algo que eu ouviria normalmente, pois é bem lenta e “romântica”, mas estranhamente eu gostei muito dela. A letra é bonita e a voz também.
 Gostei muito de “Undivided” e “Send Me Home”, “Here I Am” me parece uma declaração, mas nunca se sabe...
   “Let It Sleep” ficou na minha cabeça por dias e “Circle By The Wolves” também.
   “Just A Slave To Rock N’ Roll” mostra muito a vibe da banda e “The Lost Souls” foi ótima para completar um álbum tão incrível.
   Eu com certeza espero mais ótimos trabalhos como esse dessa banda.
   Esse post foi apenas um resumo das minhas impressões do álbum. Vou deixar uma votação para saber qual foi a música que vocês mais gostaram desse álbum.
   Por favor me digam o que acharam, tanto da mudança na banda, quanto desse CD.
   Bom, acho que por hoje é só.
   Bjs e bye Rockers.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Continue lendo

Follow by Email